A Nutrição

A nutrição avalia a interação e o bom funcionamento de todos os sistemas do organismo, abrangendo desde aspectos bioquímicos e fisiológicos, bem como por sinais e sintomas, até aspectos emocionais e cognitivos, por interação corpo e mente.

Sabe-se que uma adequada nutrição celular, para manter ou restabelecer o equilíbrio orgânico, é necessária a identificação das deficiências nutricionais, que podem ser obtidas por exames laboratoriais, e também, por sinais e sintomas apresentados pelo paciente.

É de suma importância administrar todos os nutrientes necessários para manter os níveis hormonais adequados, isto inclui: proteínas de alta qualidade, carboidratos complexos, ácidos graxos essenciais, vitaminas e minerais. Evitar restrição severa de calorias é prioridade, pois desta forma todas as funções estarão em equilíbrio.

A saúde deve ser vista não apenas como a ausência de doenças, mas como a modulação das funções bioquímicas em busca de uma melhor qualidade de vida.

A avaliação nutricional nos permite amenizar e abreviar a ocorrência de diversas doenças crônicas não transmissíveis, como obesidade, diabetes, câncer, enxaqueca, fadiga, ovário policístico, endometriose, tireoidites, doenças inflamatórias,  estresse oxidativo (combate aos radicais livres), bem com a normalização do funcionamento intestinal e hepático. 

É importante lembrar que um alimento que funciona para uma pessoa não necessariamente será bom para outra, podendo até mesmo ser o causador de doenças. Assim, dietas generalizadas e baseadas apenas na contagem de calorias não fazem sentido.

Drª Juliana de Souza Lima
Nutricionista
Especialista em Nutrição clínica funcional
CRN-1 6110